Por que tratar a SHO?

Se não for tratada, a SHO muitas vezes resulta em insuficiência cardíaca do lado direito1, hipertensão pulmonar1 e poliglobulia2, contribuindo para uma morbidade substancial e provável mortalidade precoce. 1 Portanto, é importante reconhecer a SHO nos seus pacientes e encaminhá-los para tratamento.

Veja a seguir as indicações para SHO:

a) Pacientes obesos que continuam a se sentir sonolentos durante o dia e sofrem de dores de cabeça, mesmo depois de serem tratados com a terapia de pressão positiva contínua nas vias respiratórias (CPAP) para a AOS. Esses pacientes podem até apresentar um índice de apneia-hipopneia (IAH) baixo.

b) Níveis de oxigênio permanentemente baixos (menos de 90%).

c) Dispneia aos esforços, já que os pacientes apenas com AOS não costumam desenvolver dispneia aos esforços.

A ausência de uma causa alternativa para a hipoventilação é um critério importante para o diagnóstico da SHO.

Referências

  • 01

    Piper JP, Grunstein RR. Obesity hypoventilation syndrome. (2011) Am J Respir Crit Care Med 183:292-298

  • 02

    Parameswaran, K, Todd, DC, Soth, M . Altered respiratory physiology in obesity. Can Respir J. 2006 13(4): 203-210

Mais sobre SHO