Artigos de pesquisa sobre o AutoSet | ResMed
Tecnologia AutoSet

Tecnologia AutoSet

Mudanças nos aspectos de estágio do sono, peso, posição do corpo e outros fatores podem alterar os requisitos da terapia de pressão nas vias aéreas do paciente de uma noite para a outra, a cada hora e a cada respiração. Certas vezes, o paciente pode precisar de uma pressão mais alta para manter a patência das vias respiratórias e, outras vezes, suas necessidades de pressão podem ser menores. Os dispositivos AutoSet  da ResMed de pressão positiva automática nas vias respiratórias (APAP) monitoram as vias respiratórias do paciente a cada respiração e administram apenas a pressão que os pacientes precisam, e quando precisam. 

  • Nossos dispositivos AutoSet são projetados para fornecer a pressão mínima necessária a cada momento para tratar de apneias/hipopneias e da resistência nas vias aéreas superiores.
  • Os pacientes relatam um sono subjetivo melhor e obtêm uma redução significativa (37%) na pressão de tratamento mediana, o que acarreta fugas menores do sistema em relação à terapia de pressão fixa (CPAP).1
  • Os pacientes submetidos a pressões de tratamento de 10 cm H2O ou mais, ou que têm efeitos colaterais do tratamento com CPAP, experimentam mais benefícios com a terapia autoajustável, como a do AutoSet.2,3,4
  • Os dispositivos AutoSet da ResMed utilizam um algoritmo patenteado que responde a limitações do fluxo (o primeiro sinal de colapso iminente nas vias aéreas), ronco e apneia a cada respiração.5-6

Referências

  1. Teschler H, Wessendorf TE, Farhat AA, Konietzko N, Berthon-Jones M. Two months auto-adjusting versus conventional nCPAP for obstructive sleep apnoea syndrome  Eur Respir J 2000;15(6):990-5.
  2. Hukins C. Comparative study of autotitrating and fixed-pressure CPAP in the home: a randomized, single-blind crossover trial.  Sleep 2004;27(8):1512-7.
  3. Resta O, Carratu P, Depalo A, Giliberti T, Ardito M, Marrone O, Insalaco G. Effects of fixed compared to automatic CPAP on sleep in Obstructive Sleep Apnoea Syndrome.  Monaldi Arch Chest Dis 2004;61(3):153-6.
  4. Massie CA, McArdle N, Hart RW, Schmidt-Nowara WW, Lankford A, Hudgel DW, Gordon N, Douglas NJ. Comparison between automatic and fixed positive airway pressure therapy in the home.  Am J Respir Crit Care Med 2003; 167(1):20-3.
  5. Ayappa I, Norman RG, Hosselet JJ, Gruenke RA, Walsleben JA, Rapoport DM. Relative occurrence of flow limitation and snoring during continuous positive airway pressure titration.  Chest 1998;114(3):685-90.
  6. Farre R, Montserrat JM, Rigau J, Trepat X, Pinto P, Navajas D. Response of automatic continuous positive airway pressure devices to different sleep breathing patterns: a bench study.  Am J Respir Crit Care Med 2002;166(4):469-73.