Como toda a família pode ter um sono melhor

A ResMed oferece dicas para a criação de uma agenda de sono da família; Soluções para gerenciar a apneia do sono em homens, mulheres e crianças

SAN DIEGO, 20 de agosto de 2013 – O cotidiano escolar se aproxima, e à medida que as famílias passam dos horários mais flexíveis no verão para a vida compromissada do outono, o sono se torna um fator crítico. A ResMed (NYSE: RMD), uma empresa inovadora e pioneira no desenvolvimento de soluções para o tratamento de distúrbios respiratórios do sono e outras doenças respiratórias, oferece dicas para que toda a família entre numa programação de sono bem-sucedida e todos possam se preparar para dormir bem no período que se inicia, além de uma série de soluções para combater problemas de sono.

"A hora de dormir é uma das primeiras coisas a mudar com o início das aulas, e uma das coisas mais inteligentes que os pais podem fazer na transição do horário de sono do verão para o outono é eles mesmos seguirem uma rotina", afirmou Susie Justus, instrutora do sono e auxiliar de enfermagem da ResMed.

Quantas horas de sono precisamos?

O primeiro passo para definir um programa de sono familiar é descobrir a quantidade de sono que cada um precisa na sua faixa etária. De acordo com a National Sleep Foundation (Fundação Nacional do Sono), crianças na pré-escola entre 3-5 anos precisam de 11-13 horas de sono por noite; crianças em idade escolar entre 5-10 anos necessitam de 10-11 horas de sono por noite; pré-adolescentes e adolescentes entre 10-17 anos precisam de 8,5-9,25 horas de sono por noite; e os adultos precisam de 7-9 horas de sono por noite.

Preparando o programa

Nos longos e preguiçosos dias de verão, as crianças estão acostumadas a ficar mais tempo acordadas e dormir mais tarde, assim como seus pais. Aqui estão algumas dicas que podem ajudar a suavizar a transição para o outono.

·        Comece cedo. Não espere até o fim de semana antes de a escola começar para adiantar a hora de dormir. Comece duas semanas mais cedo para facilitar a entrada na rotina.

·        Dê boa noite ao sol de verão. No início do ano escolar, os dias ainda são longos: Para enfrentar isso, os cômodos de dormir de toda a família devem ser aconchegantes e ter cortinas/persianas com blecaute. Ruídos de fundo na forma de ventiladores também podem incentivar o repouso, eliminando distrações e mantendo os cômodos quentes mais perto da temperatura ideal para dormir que é de 18-22°C.  

·        Defina e estabeleça um ritual de dormir para todos. Desligue todas as telas uma hora antes da hora de dormir – isso vale também para você, pai e mãe – e estabeleça planos de relaxamento que funcionem.

·         Favoreça os dias para favorecer o sono. Dê boas-vindas ao sol de manhã recolhendo as cortinas ou desfrutando do café da manhã ao ar livre. Faça exercícios, limite a ingestão excessiva de cafeína e evitar cochilos diurnos. Não vá para a cama com muita fome ou muito cheio, pois isso pode perturbar o sono.

Obstáculo ao programa: A apneia do sono em adultos e crianças

Certas vezes, até mesmo os programas de sono mais bem elaborados falham por causa de sono interrompido. Uma das razões pelas quais as pessoas não acordam se sentindo descansadas e revigoradas é por sofrerem de apneia obstrutiva do sono (AOS), uma doença que pode afetar qualquer um – em forma ou com sobrepeso, criança ou adulto.

Alguns dos sintomas da AOS incluem ronco alto, sonolência diurna, falta de energia, dores de cabeça matinais, pressão arterial alta e depressão. Se não for tratada, a apneia do sono também pode ter efeitos negativos de longo prazo sobre o coração, o metabolismo e a saúde global da pessoa.

Mães e apneia do sono

Cerca de 15 milhões de mulheres americanas têm apneia do sono, e a doença pode afetar as mulheres em qualquer idade, com ou sem outras enfermidades que contribuam, como doenças cardíacas, obesidade ou diabetes. No entanto, um tratamento eficaz pode ajudar a reduzir o risco de doenças crônicas e outras comorbidades. Aqui estão alguns fatos sobre mulheres e a apneia do sono:

·         Quase 40% dos pacientes com diagnóstico novo de apneia do sono são mulheres

·         A apneia do sono está relacionada a um maior risco de depressão e comprometimento cognitivo ou demência em mulheres

·         O ronco durante a gravidez pode ser um indício de desenvolvimento da apneia do sono

·         Insônia e dores de cabeça matinais são, com frequência, os principais indicadores da apneia do sono em mulheres

·         Mulheres que roncam têm quase duas vezes mais chances de ter hipertensão arterial

A ResMed oferece soluções para terapia de pressão positiva contínua nas vias respiratórias (também chamada de CPAP), projetadas especificamente para as mulheres. O tratamento com CPAP costuma ser considerado o padrão-ouro para apneia obstrutiva do sono, e as máscaras de CPAP da ResMed  possuem arnês flexível, armação de largura mínima e vêm em tamanhos menores que acomodam melhor as proporções faciais das mulheres.

Crianças e a apneia do sono

Uma sondagem da National Sleep Foundation (Fundação Nacional do Sono)  revelou que mais de duas em cada três crianças com 10 anos de idade ou menos já passaram por algum tipo de problema de sono. E o Centro Médico da  Northwestern University  descobriu que menos horas de sono à noite para as crianças significa mais problemas de comportamento durante o dia.

O ronco é um sintoma em crianças com apneia obstrutiva do sono, mas também é um sintoma de apenas ser criança, o que torna a apneia pediátrica difícil de diagnosticar. Alguns dos outros sintomas da apneia do sono são:

·         Dificuldade em manter um peso saudável

·         Respiração bucal

·         Amídalas e adenoides inchadas

·         Problemas de sono e sono agitado

·         Sonolência diurna excessiva

·         Problemas cognitivos e comportamentais durante o dia

Por ser a primeira empresa a oferecer uma máscara pediátrica liberada pela FDA para o tratamento da apneia obstrutiva do sono em crianças, a ResMed  oferece várias opções para atender a diversas necessidades de distúrbios respiratórios do sono. A máscara Pixi™, projetada para crianças de 2 anos ou mais, vem também com um livro de histórias para download gratuito, "A Máscara Mágica", que ajuda a deixar as crianças mais receptivas para a terapia de CPAP. Ele está disponível em https://www.resmed.com/us/documents/1015113_pixi-storybook.pdf.

Se achar que você ou alguém da sua família pode ter apneia do sono, é importante que entre em contato com um médico ou profissional de saúde. Para obter mais informações ou para responder um rápido questionário sobre o sono, visite www.WakeUpToSleep.com.