Síndrome da sobreposição de DPOC-AOS



A síndrome da sobreposição é um termo usado para descrever a coexistência da apneia obstrutiva do sono (AOS) e a DPOC, e foi primeiramente cunhada pelo pesquisador David Flenley quando estimou que esta associação de duas doenças comuns provavelmente envolvia muitos pacientes.1De fato, pesquisas indicaram alta prevalência de AOS em pacientes com DPOC, incluindo um recente estudo que mostra que até 66% dos pacientes com DPOC registrados em reabilitação pulmonar testaram positivo para AOS.2 Além disso, os pacientes com síndrome da concomitância podem apresentar piora dos sintomas da DPOC.3

Consequências clínicas da síndrome da sobreposição

  • Maior incidência de exacerbações3
  • A dessaturação de oxigênio prolongada à noite, o que pode levar a aumentos da pressão arterial sistêmica e pulmonar. Isso aumenta o risco de hipertensão pulmonar, insuficiência cardíaca direita e cor pulmonale4,5 (Um estudo mostrou que a prevalência de hipertensão pulmonar em pacientes com AOS foi de 16% em comparação a 86% em pacientes com síndrome da concomitância6)
  • Taxas de mortalidade mais altas em comparação àquelas de DPOC ou AOS isoladamente7,8,9 (Um estudo constatou que as taxas de mortalidade eram sete vezes mais altas na população com síndrome da concomitância 10)
  • Incidência maior de mortalidade à noite11
  • Qualidade de vida pior relatada12

Tratamento de síndrome da sobreposição

Pressão positiva contínua nas vias respiratórias (CPAP) permanece como o tratamento padrão para AOS e síndrome da concomitância.13 Uma pesquisa mostrou que os pacientes com síndrome da concomitância e que utilizam a terapia CPAP apresentaram:

  • Melhor sobrevida e menos internações9
  • Menor risco de mortalidade14
  • Maiores estimativas de sobrevida15
  • Melhora dos gases sanguíneos e da pressão arterial pulmonar média16
  • Melhora de PaCO2, PaO2 e FEV117

Porém, à medida que a doença da síndrome da sobreposição dos pacientes progride, eles podem desenvolver hipercapnia diurna. A CPAP sozinha pode não corrigir completamente a hipercapnia ou a hipoxemia, portanto o tratamento com ventilação não invasiva (VNI) e/ou o oxigênio complementar podem aumentar o benefício clínico ao paciente.18 A terapia VNI pode, teoricamente, descansar os músculos respiratórios sobrecarregados, evitar a hipoventilação noturna e redefinir o impulso respiratório central em pacientes com hipercapnia.19 Os dispositivos VNI também incluem várias características de sincronização que podem prolongar o tempo de expiração, o que ajuda a evitar o aprisionamento de ar e pode melhorar enormemente o conforto e a adesão do paciente. 

Saiba mais sobre VNI para DPOC

Como triar seus pacientes com DPOC para AOS

Como os estudos sugerem que pacientes com síndrome da concomitância possam ter um prognóstico pior que os pacientes com apenas uma dessas doenças, os provedores de cuidados da DPOC devem considerar a triagem de todos os seus pacientes com DPOC para apneia obstrutiva do sono.

Há várias ferramentas para ajudar a triar esses pacientes durante uma consulta programada regularmente. A Associação Americana de Apneia do Sono endossa esses três testes que você pode administrar com rapidez e facilidade e que o ajudarão a identificar seus pacientes que estejam com maior risco para apneia do sono:

As diretrizes da Sociedade Torácica Americana/Sociedade Respiratória Europeia também sugerem que aqueles com DPOC relativamente leve e evidência de hipertensão devem ser encaminhados para testes de um dia para outro.20

Referências

  • 01

    Flenley DC. Sleep in chronic obstructive lung disease. Clin Chest Med, 6 (1985), pp. 51–610

  • 02

    Soler X et al. High prevalence of obstructive sleep apnea in patients with moderate to severe chronic obstructive pulmonary disease. Ann Am Thorac Soc. 2015;12(8):1219-25. dos: 10.1513/AnnalsATS.201407-336OC

  • 03

    Soler-Cataluna JJ et al. Severe acute exacerbations and mortality in patients with chronic obstructive pulmonary disease. Thorax 2005;60(11):925-931.

  • 04

    Trask CH, Cree EM. Oximeter studies on patients with chronic obstructive emphysema, awake and during sleep. N Engl J Med 1962;266:639-642.

  • 05

    Pierce AK et al. Respiratory function during sleep in patients with chronic obstructive lung disease. J Clin Invest 1966; 45 (5):631-636.

  • 06

    Hawrylkiewicz I et al. Pulmonary haemodynamics in patients with OSAS or an overlap syndrome. Monaldi Arch Chest Di. 2004;61(3):148-152

  • 07

    Owens RL and Malhotra A. Sleep-disordered breathing and COPD: The overlap syndrome. Resp Care 2010;55(10): 1333-1346

  • 08

    Sanders MH et al. Sleep and sleep-disordered breathing in adults with predominantly mild obstructive airway disease. Am J Respir Crit Care Med 2003;167(1):7–14

  • 09

    Marin JM et al. Outcomes in patients with chronic obstructive pulmonary disease and obstructive sleep apnea: the overlap syndrome Am J Respir Crit Care Med 2010 Aug 1;182(3):325-31. doi: 10.1164/rccm.200912-1869OC. Epub 2010 Apr 8.

  • 10

    Lavie P et al. Mortality in sleep apnea patients: a multivariate analysis of risk factors. Sleep 1995;18(3):149-157

  • 11

    McNicholas WT and Fitzgerald MX. Nocturnal deaths among patients with chronic bronchitis and emphysema. BMJ (Clin Res Ed) 1984; 289(6449):878

  • 12

    Mermigkis C et al. Health-related quality of life in patients with obstructive sleep apnoea and chronic obstructive pulmonary disease (overlap syndrome). Int J Clin Pract 2007;61(2): 207-211

  • 13

    Owens RL and Malhotra A. Sleep-disordered breathing and COPD: the overlap syndrome. Respir Care 2010;55(10):1333-44

  • 14

    Stanchina ML et al. Impact of CPAP use and age on mortality in patients with combined COPD and obstructive sleep apnea: the overlap syndrome. J Clin Sleep Med 2013 Aug 15;9(8):767-72. doi: 10.5664/jcsm.2916.

  • 15

    Machado MC et al. CPAP and survival in moderate-to-severe obstructive sleep apnoea syndrome and hypoxaemic COPD. Eur Respir J 2010 Jan;35(1):132-7. doi: 10.1183/09031936.00192008. Epub 2009 Jul 2.

  • 16

    Toraldo DM et al. Fixed-pressure nCPAP in patients with obstructive sleep apnea (OSA) syndrome and chronic obstructive pulmonary disease (COPD): a 24-month follow-up study. Sleep Breath 2010 Jun;14(2):115-23. doi: 10.1007/s11325-009-0291-1. Epub 2009 Sep 13.

  • 17

    Mansfield D et al. Effects of continuous positive airway pressure on lung function in patients with chronic obstructive pulmonary disease and sleep disordered breathing. Respirology 1999 Dec;4(4):365-70.

  • 18

    Sampol G et al. Nasal continuous positive airway pressure with supplemental oxygen in coexistent sleep apnoea-hypopnoea syndrome and severe chronic obstructive pulmonary disease. Eur Respir J 1996 Jan; 9(1):111-6

  • 19

    Bhatt SP et al. Noninvasive positive pressure ventilation in subjects with stable COPD: a randomized trial. Int J Chron Obstruct Pulmon Dis 2013; 8: 581–589. Published online 2013 Nov 22. doi: 10.2147/COPD.S53619

  • 20

    Celli BR and MacNee W. Standards for the diagnosis and treatment of patients with COPD: a summary of the ATS/ERS position paper. Eur Respir J 2004;23(6):932–946